♛ M&B | A Polêmica dos Antitranspirantes e o Câncer de Mama

novembro 23, 2013

Bom dia, meninas!!!

Todas nós sabemos que Outubro foi, e é, o mês oficial de combate ao câncer de mama. Um mês em que somos bombardeadas com todo o tipo de informações e dicas para a prevenção desse mal. Não sei vocês, mas eu particularmente, nunca tinha ouvido falar que os antitranspirantes - sim, nossos parceiros de longa data, e de praticamente todos os dias - são apontados como um dos maiores causadores do câncer em mulheres. No dia que eu  li isso, eu pirei! Fiquei apavorada de verdade, e desde então procuro usar somente os desodorantes ( logo farei uma listinha com os produtos que vocês podem encontrar no mercado e substituir, ok?).

Vamos entender o que realmente acontece? Como o próprio nome já diz, o antitranspirante age como um 'lacre' que impede a transpiração natural do corpo, impedindo a saída do suor, e claro, que todos esses resíduos ficam acumulados onde? Nas nossas axilas! Punk demais!

Várias fontes apontam este produto como um verdadeiro vilão, apesar de não haver nada 100%  cientificamente comprovado - e se tratando de empresas multinacionais super poderosas, acho que nunca comprovarão nada. Infelizmente, no mundo inteiro, o dinheiro fala mais alto do que o bem ao próximo, mesmo que isso traga danos irreversíveis aos consumidores. Viva o capitalismo! -, mas para quem é um pouquinho inteligente sabe que se nós alterarmos o funcionamento natural de qualquer coisa, alguma reação adversa, haverá.


Separei alguns textos, que explicam melhor esse caso. Segue:
"Antiperspirantes ou antitranspirantes são produtos que inibem ou diminuem a transpiração. A diferença entre desodorante e antitranspirante é que o primeiro serve para remover o odor das axilas, enquanto o segundo é responsável por reduzir a quantidade de suor produzido. Grande parte dos antitranspirantes funciona também como desodorante, porém a maioria dos desodorantes não atua como antitranspirante.
Os antitranspirantes possuem em sua composição sais de alumínio e derivados. Por este motivo, algumas pessoas questionam se estes compostos em contato com o corpo propiciariam o desenvolvimento de câncer de mama. Outra associação refere-se ao fato de que a maior incidência da doença ocorre no quadrante superior da área do peito, local utilizado para aplicação do produto, onde estão localizados os nódulos linfáticos.
No entanto, sabe-se que a maior incidência de câncer nesse quadrante é percebida, uma vez que nele se encontra a maior quantidade de tecido mamário, o que aumenta as chances para o desenvolvimento da doença. 
Segundo parecer técnico divulgado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), não existe até o momento dados significativos na literatura científica que relacionem os sais de alumínio presentes na fórmula dos antitranspirantes com a incidência de câncer de mama.
Em janeiro de 2004 foi publicado na revista Journal of Applied Toxicology um artigo assinado por pesquisadores da University of Reading, na Grã-Bretanha (GB), demonstrando a presença de altas concentrações de parabenos em tecidos retirados de tumores mamários de mulheres que usavam este tipo de desodorante.No entanto, no editorial da mesma revista, há um outro artigo de pesquisadores do Departamento de Toxicologia do Laboratório Covance (GB) questionando o desenho do Estudo, a inferência dos resultados tendo em vista que o número de amostras de tecido coletado de tumores mamários foi pequeno (n=20). Questionou-se também a toxicidade desses compostos e a limitação de dados sobre exposição humana disponíveis na literatura.Tomando-se como referência o parecer da American Cancer Society sobre este assunto, é possível que alguns anti-perspirantes possam irritar a pele e que não é raro o desenvolvimento de uma infecção chamada hidradenite supurativa, que se inicia na glândula sudorípara na axila ou região inguinal. Esta infecção pode levar à bacteremia (bactérias na corrente sanguínea) e choque se não tratado adequadamente. A depilação com lâmina pode agravar uma infecção axilar.Entre os inúmeros estudos epidemiológicos que descrevem os fatores de risco associados ao desenvolvimento de câncer de mama este parece ser o primeiro que estabelece que o uso de anti-perspirante aumenta o risco para câncer de mama. Portanto, deve-se considerar que ainda não há estudos suficientes nem conclusivos que comprovem a associação positiva entre a exposição a parabenos e a presença de danos no DNA que poderiam levar ao câncer.Os principais fatores de risco para câncer de mama são o histórico familiar, obesidade, alimentação inadequada, tabagismo e faixa etária elevada. A ação mais efetiva que as mulheres podem adotar para se protegerem é submeterem-se anualmente ao exame clínico, fazer mamografia periodicamente. Embora não previna do câncer de mama, a adoção dessas práticas certamente aumentará as chances de detectá-lo precocemente, quando é mais facilmente tratado."  FONTE: http://www.inca.gov.br

Interessantemente, no site de um dos antitranspirantes mais famosos do mundo, Rexona, você poderá ler o seguinte:

"Não há evidências científicas relacionando o uso de antitranspirantes ao surgimento de câncer. As evidências são de que os antitranspirantes são seguros e não causam problemas de saúde. Um estudo clínico recente concluiu que não há relação entre ambos, posição aceita por especialistas em câncer e governos em todo o mundo." FONTE:  http://www.rexona.com.br/pt/duvidas-sobre-transpiracao/usar-muito-desodorante-antitranspirante-causa-cancer/
Enfim, meninas... Esse é um tema tão polêmico e tão 'escabroso' que  dá medo de verdade continuar fazendo o uso desses produtos. A internet está à disposição para quem quiser pesquisar mais e ver os tristes - e horríveis - casos de mulheres que foram afligidas com a doença e que precisaram  passar por uma mudança radical em suas vidas, e isso vai da quimioterapia à amputação dos seios. Muito triste mesmo, então aqui fica o alerta para quem não quiser correr este risco. Usem o bom senso e optem por produtos que utilizem componentes naturais em sua composição, e se possível, exterminem o antitranspirante da vida de vocês. 
Como nos diz o antigo provérbio, é bem melhor prevenir do que remediar!

Beijos,
Natállia Guimarães

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR:

0 comentários

//]]>